Proctologia - Cirurgia Geral - Video Laparoscopia

HEMORRÓIDAS - Tire suas dúvidas.

Hemorróidas internas
Hemorróidas externas
1º grau - Tratamento não cirúrgico / Conservador
2º grau - Tratamento não cirúrgico / Conservador
4
3º grau - Tratamento cirúrgico geralmente com componente externo associado
6
4º grau - Tratamento cirúrgico geralmente com componente externo associado
2
Hemorróidas internas com trombose são extremamente desconfortáveis, geralmente com dor local intensa, edema e dificuldade para evacuação.
3

Exames:

Objetivo:

Inspeção visual Detecção de vasos congestos; inflamação
Toque retal Detecção de anormalidades
Anuscopia Avaliação de hemorróidas internas e do ânus
Retossigmoidoscopia Avaliação do reto e cólon sigmóide distal
Medidor higienodietéticos:
Fibra na dor e de 20 – 30g / dia
Frutas, legumes
Líquido – 2-3 litros/dia.
Drogas vasoativas
1
Escleroterapia
Fotocoagulação
Crioterapia
Ligadura elástica
 
Tipos de anestesia:
Local
Bloqueio Raque ou pelidural

Técnicas:
Aberta ou Milligan Morgan
Fechada ou Ferguson
Semi-fechada ou Obrando
Hemorroidectomia por grampeamento
Lazer

5
1
Dor
Sangramento
Fecaloma
Retenção urinária
Fissura anal residual (má cicatrização, trauma, laceração na evacuação)
Estenose - mau uso da técnica (geralmente aberta) Infecção – falta de higiene local
Gravidez – Não existe nenhuma contra-indicação formal para cirurgia em qualquer estágio da gravidez sem nenhuma complicação fetal. Doenças inflamatórias intestinais – devemos ter cautela na indicação de doentes portadores de retocoliteulcerativa e doença de Crolin. HIV positivo – dificuldade na cicatrização e com risco de infecção.
Hipertensão Portal – somente em casos relacionados.
Leucemia – tratamento conservador.
1
Plexo interno Hemorroidário
Localiza-se no espaço submucoso do canal anal, acima da linha pectínea vascularizado por 3 ramos terminais da artéria retal superior, dois a direita (anterior e posterior) e um lateral esquerdo. Drena para o sistema portal.

Plexo externo Hemorroidário
Situado no espaço subcutâneo do canal anal, abaixo da linha pectínea. Vascularizado pelos ramos terminais das artérias retais inferiores e drena para a veia cava inferior pelas veias retais inferiores, ramo das veias pudendas e ilíaca internas.